terça-feira, 31 de julho de 2012

ATENÇÃO

Blog com atividades suspensas por tempo indeterminado.
Grata

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Visite

Visite Sintonia Cultural, um blog em pura sintonia com a Cultura.
De Fernanda Botelho e Kátia Soares

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Filme Nosso Lar


Ontem fui ao cinema assistir o filme Nosso Lar, um filme baseado na obra de Chico Chavier, tenho o livro em casa mas confesso que nunca tive interesse em ler. No dia 23 de Agosto de 2010 meu pai internado já a 2 meses veio a falecer, uma perda que já se era esperada devido ao seu quadro clínico, mas que no fundo no fundo agente nunca se acostuma de verdade, minha família toda é espirita, mas eu nunca levei ao pé da letra o espiritisto, sempre respeitei e nunca duvidei de nada, isso em toda e qualquer religião. Juntando tudo eu e minha família fomos ao cinema ver o filme, pensei que iria chorar horrores né, pois vendo no youtube partes do filme, vi cenas que parecia o meu pai no hospital e então pensei : Meu Deus! Vou chorar muito quando for ver esse filme!
Mas não, não chorei, o filme é muito bonito, mas eu esperava mais do filme, achei que faltou aquele tcharãm. Para os duros de coração vai ser apenas mais um filminho chato com uma cidade bonitinha, para os espiritas um filme que trata da realidade no mundo espiritual e para as pessoas boas de coração que não são espiritas um filme bonito, com alguns pedaços engraçados, que no fundo traz a sua mensagem.
Eu assisti e recomendo a todos aqueles que acreditam não no espiritismo independente da sua religião, mas que sim acreditam em Deus o Nosso Pai Maior!

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Parintins em Festa


O Amazonas está em contagem regressiva para o início de uma das maiores manifestações folclóricas do País: o 45º Festival de Parintins. O evento, que acontece de 28 a 30 de Junho, mostra a tradição do boi-bumbá através da competição entre os bois Garantido e Caprichoso, que ocorre todos os anos, no Bumbódromo. Trata-se de um espetáculo de cores, fantasias, coreografias e carros alegóricos. Ao entrar na arena, o boi-bumbá é recebido com uma salva de fogos de artifícios e o grito de guerra da plateia. Em seguida, é encenado um ritual amazônico, com danças em círculo ao som das toadas, do cateretê, do carimbó e da marcha. Dividida nas cores vermelho e azul dos bumbás, as torcidas ornamentam seus redutos com muita criatividade e completam o show. Saiba mais em www.parintins.com .

Fonte:O Dia/Guia de Viagem

Altas Aventuras em Nova Venécia


Tombada em 2001, a Área de Proteção Ambiental  da Pedra do Elefante, em Nova Venécia, a 225 Km de Vitória, oferece aos visitantes a oportunidade de praticar diversas modalidades de aventura, como escaladas, trilhas e enduros. Com 604m de altura, a Pedra do Elefante é o principal símbolo da região, que também abriga um rico patrimônio histórico, com casarões do séc. XIX. Uma curiosidade do local é que lá existe uma árvore gameleira centenária, com mais de 15m de altura e raízes que ultrapassam 1,80m que atrai fiéis que acreditam na aparição de uma Santa, a Mãe dos Peregrinos.

Fonte:O Dia/Guia de Viagem

Inverno em Campos do Jordão


Considerada a 'Suíça Brasileira' devido à arquitetura com influência europeia e o clima frio, a cidade de Campos do Jordão, na Serra da Mantiqueira, interior de São Paulo, realiza de 3 de Julho a 1º de Agosto o 41º Festival Internacional de Inverno, maior evento de música erudita do País. Este ano, o número de concertos foi ampliado de uma média de 40 para mais de 80 e eles também serão apresentados na capital. Dos espetáculos programados para São Paulo, 11 deles serão no Sesc Vila Mariana e na Sala São Paulo. Concertos com artistas de renome internacional também serão atração em Campos do Jordão, no Auditório Claudio Santoro; no Palácio Boa Vista; na Praça do Capivari; e nas Igrejas S. Benedito, Santa Terezinha e N. Sra. da Saúde. Haverá shows paralelos de MPB e teatro nas cidades vizinhas S. Bento do Sapucaí e S. Antônio do Pinhal. Veja a programação em www.festivalcamposdojordao.org.br

Fonte: O Dia/Guia de Viagem

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Estreia dia 30 de Junho Eclipse



O terceiro filme da série Crepúsculo, Eclipse, já tem data marcada para estrear nos cinemas, dia 30 de junho de 2010. E com certesa as sessões vão lotar, pois se o livro virou febre é sinal de que muita gente vai querer ver os filmes e eu sou uma com certesa. Na minhas navegadas pela internet descobri 5 fatos sobre o filme.

Fato 1:
O novo cartaz para o Eclipse (imagens 1) aponta para um tom mais sombrio, com suas nuvens de tempestade chocando. Cada vez mais o diretor David Slade nos surpreende.

"Cada filme é diferente, porque nós trabalhamos com um diretor diferente em cada filme da saga, e eu adoro isso”, diz Taylor Lautner. David Slade é perfeito para o terceiro filme, por ser mais sombrio. Eclipse foi o meu livro preferido.”
Ashley Greene, que interpreta a vampira Alice Cullen, diz que Slade não é apenas um príncipe das trevas.
"David é realmente histérico”, ela ri, “Ele tem um sentido tão seco de humor que às vezes você não sabe se ele está brincando ou não. Eclipse será surpreendente, por ter ficado muito mais sombrio e dramático. Vai ser muito legal.”

Fato 2:
Haverá menos romance e mais ação“, o elenco explica.
"Eclipse não é tão íntimo como Crepúsculo ou Lua Nova”, explica Robert Pattinson. “Estamos em guerra, assim que eu começar a interagir com mais personagens, e não apenas Kristen. Você também vai encontrar mais informações sobre os outros membros da família Cullen. Ela só parece maior.”
Mas isso não quer dizer que a história de amor é posta de lado completamente.
“Um triângulo amoroso com Bella, Edward e Jacob”, disse Lautner. “Então, vamos explorar mais que no Eclipse. É uma situação difícil para todos eles, porque Bella está dividida entre dois rapazes, Jacob não pode ficar com a garota que ele ama e então há Edward, com todas as suas questões “.

Fato 3:
“Nós todos sabemos sobre a família de vampiros“, disse Nikki Reed, que interpreta a vampira Rosalie Cullen.
"Mas os garotos lobisomens estão em um nível completamente diferente. Eles interagem com um calor jovem, lúdico e confortável. É muito sexy.”
Quanto a Pattinson, ele admite que seus ciúmes pessoais sobre Taylor Lautner realmente vem a calhar para o papel.
"Em Eclipse, Taylor e eu temos muitas cenas juntos, onde temos de ser ciumento e mesquinho com os outros”, diz ele. “Então, ele ajuda que eu realmente sinta ciúmes quando eu ver o seu corpo, especialmente porque ele é mais novo que eu. Ele cumpre todos os critérios do que os adolescentes querem, fisicamente, em um indivíduo.

Fato 4:
“Filmar Eclipse realmente mudou minha vida“, disse Nikki Reed do regime árduo do treinamento que elenco teve de suportar.
"Eu nunca estive tão em forma – esta é a primeira vez na minha vida eu realmente tinha um bíceps. É bizarro para comparar como nos olhamos agora como todos nós olhávamos no primeiro filme.”

Fato 5:
Há quatro livros da saga: Crepúsculo, Lua Nova, Eclipse e Amanhecer. Mas Ashley Greene deu a mais forte indicação de que ainda poderia haver cinco filmes.
"Nós terminamos de filmar o Eclipse e vamos supor que se Lua Nova ir bem como Crepúsculo, então vamos começar a filmar no próximo ano Amanhecer”, diz ela.
A única coisa é que Amanhecer é um livro muito grande, então seria um filme realmente muito longo. Nós estamos pensando que eles irão decidir dividir em duas partes, como fizeram com Harry Potter. De qualquer maneira, temos de começar em tiroteio com eles, porque, ao contrário de Harry Potter, os vampiros não envelhecem. Então, todos nós precisamos de olhar para o mesmo!”


O filme “A Saga Crepúsculo: Eclipse” será lançado mundialmente em junho de 2010.
Robert comenta sobre as cenas com a nova membro do elenco, Bryce Dallas Howard:
"Nós tivemos uma cena de luta onde Bryce tinha que pegar o meu cabelo”, ele ri. “Então ela pegou uma mecha de cabelo do meu dublê com peruca e fingir que ela tinha puxado ele da minha cabeça. Ela me disse para gritar fora do set, mas foi tão embaraçoso. Ela teve grande aglomeração de cabelo na mão dela, e eu estava realmente convincente.”
Enquanto o resto do elenco estava se divertindo com acrobacias, um pensamento de reposição para o pobre Taylor Lautner.
"Eclipse é muito mais físico para o meu personagem”, explica ele, “mas quando eu tiver qualquer tipo de ação, eu sou um lobo, por isso é tudo feito com CGI. É uma chatice”. É como ele disse em uma entrevista “No momento em que eu sou pendurado por cabos para fazer a transformação de lobo, com a ajuda do CGI, quando caio no chão já não sou mais eu e sim o computador.”

Fonte: RottenTomatoes